Em entrevista à revista Empire, Chloë Grace Moretz contou que não usou a primeira versão de “Carrie”, de 1976, como inspiração para seu papel no novo longa.

“Eu deliberadamente não assisti o filme original. Tenho certeza de que o que Sissy Spacek e Brian De Palma fizeram foi fenomenal, mas eu não queria acabar copiando qualquer performance. Eu queria fazer a minha Carrie vir à vida e não roubar a Carrie de alguém”, disse.

Chloë sentiu que sua idade a ajudou a conectar-se ao papel, onde ela interpreta uma adolescente que está descobrindo a vida. Ela disse à revista: “É por isso que eu realmente me conectei. O que está acontecendo com Carrie é realmente o que está acontecendo comigo. Sou uma garota de 16 anos de idade, que está basicamente vivendo o que Carrie está passando no cinema. Tentando descobrir a sua relação com a mãe e com o pai e descobrir o que sua expressão é. E isso é Carrie”.

Fonte

# Carrie, Entrevista